Reunião com o Ministro Eliseu Padilha

Da esquerda para direita: Antônio Carlos Maçonetto (Presidente ACIRP), Deputado Federal Luiz Felipe Baleia Tenuto Rossi, Ministro da Aviação Civil Eliseu Lemos Padilha, Vereador Municipal de Ribeirão Preto Maurílio Romano, Guilherme Feitosa (Diretor Titular CIESP Ribeirão Preto) e Fernando Paoliello Junqueira (Diretor SindusCon Ribeirão Preto).

A pedido do Sr. Walter Gomes, Presidente da Câmara Municipal de Vereadores de Ribeirão Preto, o Deputado Federal Baleia Rossi viabilizou reunião com o Excelentíssimo Ministro da Aviação Civil, o Sr. Eliseu Padilha. A reunião aconteceu no dia 09 de abril, às 14 horas na ANAC e tratou sobre a internacionalização do Aeroporto Leite Lopes. Estiveram presentes, 13 vereadores de Ribeirão Preto, a Prefeita Municipal Dárcy Vera e os representantes de entidades empresariais: Guilherme Feitosa (Diretor Titular do CIESP de Ribeirão Preto), Antonio Carlos Maçonetto (Presidente da ACIRP) e Fernando Junqueira (Diretor da Regional de Ribeirão Preto do SindusCon-SP). Na ocasião, o Ministro afirmou que independe do Governo Federal para o Estado iniciar as desapropriações e iniciar as obras do mergulhão que passará embaixo da Av. Thomás Alberto Wately.

Na reunião foram apresentadas as informações:

Histórico Recente:

07/11/2014: Licenciamento Ambiental e Anteprojeto autorizados ao BB, após validação do DAESP.

04/02/2015: CETESB ratificou a Licença de Operação de Regularização emitida anteriormente , agora com os projetos executados pelo Programa. Parte dos estudos ambientais do DAESP serão aproveitados.

09/02/2015: Iniciada a execução do Plano de Controle Ambiental pelo BB.

26/03/2015: Apresentado à SAC e ao DAESP, pelo BB e empresa projetista, da proposta de layout para o Terminal de Passageiros e discussão quanto à obra do Terminal do sistema de pistas, que dependerá da conclusão das ações do Governo do Estado.

Próximos Passos:

Maio/15: nova reunião para aprovação preliminar pelo DAESP do Anteprojeto  do Terminal de Passageiros e discussão quanto à definição das obras a serem executadas pelo Governo do Estado (Mergulhão).

Junho/15: previsão de conclusão do Plano de Controle Ambiental e início da fase final de elaboração do Anteprojeto.

Setembro/15: previsão de conclusão do Anteprojeto para aprovação.

Ações por parte do Governo do Estado:

Desapropriações: aproximadamente 390 mil m² necessários para adequação da faixa de pista e rampas de proteção laterais e viabilização da ampliação da pista.

Situação Patrimonial: sítio livre e desembaraçado para publicação de edital.

Convênio Estado/Prefeitura: Construção do mergulhão da Av. Thomás Alberto Whately para ampliação da pista de pouso e decolagem.

Valor estimado: R$ 256,49 milhões (mais desapropriação de 392.718m² – R$ 90,33 milhões).

Aeronave de Projeto: Categoria 4D (B767) com 96% do Peso Máximo de Decolagem

Principais Obras:

Terminal de Passageiros: novo terminal (área aproximada de 30 mil m²);

Pista de Pouso e decolagem: ampliação de 500m, na direção de cab. 36 (passando de 2.100m para 2.600m) com recuo de 500m na cab. 18;

Seção Contra-incêndio: construção cobertura de veículos de 165m² e reforma da edificação (433m²) – área total 598m².

Pátio de aeronaves: pátio 1 (carga) será recuperado (área total 15.149m² – 2  posição e pátio 2 (av. regular) será ampliado em 50.829m² (área total 78.367m² – 20 posições).

Comente